SOTEPP –

Produção Audiovisual

corpos, coisas, maneiras: modos e usos do tempo

Esse documentário sonoro é resultado de pesquisa intitulada “Mapeamento sonoro do Sertão alagoano”, desenvolvida pelo Grupo de Pesquisa Nordestanças e financiada através do edital 13/2016 da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (FAPEAL). A pesquisa, de caráter interdisciplinar, agregou questões dos campos da antropologia, comunicação social, arquitetura e urbanismo e etnomusicologia, contando com a participação de pesquisadores da UNIT/AL e da UFAL. Este projeto foi coordenado pelo Prof. Dr. Walcler Mendes Junior (SOTEPP-UNIT/AL), com a participação das professoras Jesana Batista Pereira (SOTEPP-UNIT/AL) e Juliana Michaello M. Dias (PPGAU-UFAL), além dos alunos de graduação do curso de Comunicação Social da UNIT/AL Marta Moura e Lorenna Monteiro.

DIREÇÃO: Walcler de Lima Mendes Junior | IMAGENS: Juliana Michaello M. Dias, Marta Moura, Walcler Mendes Junior | PRODUÇÃO: Jesana Batista Pereira | COORDENAÇÃO DE PESQUISA: Walcler Mendes Junior | DURAÇÃO: 33m49s | ANO: 2018


envelopando vento por método cartesiano

Esse documentário sonoro é resultado de pesquisa intitulada “Mapeamento sonoro do Sertão alagoano”, desenvolvida pelo Grupo de Pesquisa Nordestanças e financiada através do edital 13/2016 da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (FAPEAL). A pesquisa, de caráter interdisciplinar, agregou questões dos campos da antropologia, comunicação social, arquitetura e urbanismo e etnomusicologia, contando com a participação de pesquisadores da UNIT/AL e da UFAL. Este projeto foi coordenado pelo Prof. Dr. Walcler Mendes Junior (SOTEPP-UNIT/AL), com a participação das professoras Jesana Batista Pereira (SOTEPP-UNIT/AL) e Juliana Michaello M. Dias (PPGAU-UFAL), além dos alunos de graduação do curso de Comunicação Social da UNIT/AL Marta Moura e Lorenna Monteiro.

DIREÇÃO: Walcler de Lima Mendes Junior | IMAGENS: Juliana Michaello M. Dias, Marta Moura, Walcler Mendes Junior | PRODUÇÃO: Jesana Batista Pereira | COORDENAÇÃO DE PESQUISA: Walcler Mendes Junior | DURAÇÃO: 12m55s | ANO: 2018


serras de matas dagua LAJEDOS TÃO GRANDES pedrinhas miudinhas

Esse documentário sonoro é resultado de pesquisa intitulada “Mapeamento sonoro do Sertão alagoano”, desenvolvida pelo Grupo de Pesquisa Nordestanças e financiada através do edital 13/2016 da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (FAPEAL). A pesquisa, de caráter interdisciplinar, agrega questões dos campos da antropologia, comunicação social, arquitetura e urbanismo e etnomusicologia, contando com a participação de pesquisadores da UNIT/AL e da UFAL. Este projeto foi coordenado pelo Prof. Dr. Walcler Mendes Junior (SOTEPP-UNIT/AL), com a participação das professoras Jesana Batista Pereira (SOTEPP-UNIT/AL) e Juliana Michaello M. Dias (PPGAU-UFAL), além dos alunos de graduação do curso de Comunicação Social da UNIT/AL Marta Moura e Lorenna Monteiro.

DIREÇÃO: Walcler de Lima Mendes Junior | IMAGENS: Juliana Michaello M. Dias, Marta Moura, Walcler Mendes Junior | PRODUÇÃO: Jesana Batista Pereira | COORDENAÇÃO DE PESQUISA: Walcler Mendes Junior | DURAÇÃO: 29m21s | ANO: 2018


Acesso livre: acessibilidade, mobilidade e autonomia das pessoas com deficiência em Maceió/AL

Acesso Livre é um documentário que traz reflexões acerca da promoção de acessibilidade e do exercício da cidadania, direitos, educação e políticas públicas desenvolvidas para pessoas com deficiência no município de Maceió/AL, através de um estudo de caso da Av. Antônio Gomes de Barros (antiga Amélia Rosa). O trabalho é resultado da disciplina de Tecnologias e Políticas Públicas do mestrado em Sociedade, Tecnologias e Políticas Públicas do Centro Universitário Tiradentes – Unit/AL e foi produzido pelos mestrandos do SOTEPP-UNIT/AL Adriana Thiara Oliveira, Benjamin Vanderlei e Guilherme Vasconcelos.

DIREÇÃO E ROTEIRO: Benjamin Vanderlei | DURAÇÃO: 21m40s | ANO: 2018


Arte do Muquém

O documentário, produzido pelos mestrandos do SOTEPP-UNIT/AL Alexandre Vasconcelos (arquiteto), Anny Rochelly Vieira (jornalista) e Kamila Canuto (fisioterapeuta), é resultado de trabalho de campo da disciplina Fundamentos em Sociedade em Meio Ambiente, ministrada pelo Prof. Dr. Pedro Simonard no Mestrado em Sociedade, tecnologias e Políticas Públicas. Cada aluno procurou colocar sua visão profissional nessa atividade interdisciplinar, analisando desde a questão do trabalho com o barro, até a questão social e a Lesão por Esforço Repetitivo (LER).

DIREÇÃO: Alexandre Vasconcelos, Anny Rochelly Vieira e Kamila Canuto | IMAGENS: Thales Souza | EDIÇÃO: Ebenézer Ferreira | ORIENTAÇÃO: Pedro Simonard | DURAÇÃO: 19m09s | ANO: 2017


Carreadas

Trata-se de um filme centrado nas práticas tradicionais dos carreiros e fabricantes de carros de boi no sertão alagoano. O filme foi desenvolvido com recursos do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional em parceria com a Secretaria de Cultura do Estado de Alagoas, a Universidade Federal de Alagoas e o Centro Universitário Tiradentes, e é resultado de dois anos de pesquisa desenvolvida pelo Grupo de pesquisa Nordestanças no sertão e agreste alagoanos. O documentário “Carreadas”, começou a ser editado no final de 2016 e foi finalizado em fevereiro de 2017, como forma de divulgação dos resultados obtidos a partir do Projeto de Salvaguarda do Patrimônio Imaterial de Alagoas. O projeto, coordenado pela Profa. Dra Juliana Michaello M. Dias (PPGAU/UFAL), contou com a participação dos professores doutores Walcler de Lima Mendes Junior (SOTEPP-UNIT/AL), Jesana Batista Pereira (SOTEPP-UNIT/AL) e Pedro Simonard (SOTEPP-UNIT/AL). A Pesquisa contou com alunos do curso de graduação em Comunicação Social da UNIT/AL e do curso de Arquitetura e Urbanismo da UFAL.

DIREÇÃO: Walcler Mendes Junior, Juliana Michaello, Pedro Simonard, Jesana Batista Pereira | ROTEIRO E EDIÇÃO: Walcler Mendes Junior | IMAGENS: Karla Calheiros, Maria Vitoria Silvestre, Natália Tavares, Nathália Amaral, Pedro Simonard, Tatiane Almeida, Victor Falcão, Walcler Mendes Junior, William Félix | ARTE: Juliana Michaello | COORDENAÇÃO DE PESQUISA: Juliana Michaello | PESQUISADORES: Walcler de Lima Mendes Junior, Jesana Batista Pereira, João Paulo Omena Silva, Maria Francyelle Araújo, Pedro Simonard, Thalita Lins do Nascimento | BOLSISTAS: Adriane Canabarro (UFAL), Allyson Jesus (UNIT), Amanda Rodrigues (UFAL), Ana Caroline Araujo (UFAL), Camila Oliveira (UFAL), Daniela Novaes (UFAL), Emerson Távora (UFAL), José Henrique Costa Tenório (UFAL), Ingrid Géssica Araujo (UFAL), Ingryd Rodrigues Alves (UNIT), Isabela Braz (UFAL), Jéssica Patrícia da Conceição (UFAL), Karla Calheiros (UFAL), Maria Clara Marinho (UFAL), Maria Victória Silvestre (UFAL), Nathália de Almeida Amaral (UFAL), Reberth Almeida (UFAL), Taísa Theberge (UFAL), Tatiane Almeida (UNIT), Victor Falcão (UNIT), William Félix (UFAL) | DURAÇÃO: 1h12m03s | ANO: 2017


TranShow: dizeres sobre arte, corpo e gênero

Este documentário foi produzido pelo mestrando do SOTEPP-UNIT/AL Roberto Amorim, e orientado pela Profa Dra Jesana Batista Pereira (SOTEPP-UNIT/AL), e é resultado da disciplina Seminários Temáticos, do Mestrado em Sociedade, Tecnologias e Políticas Públicas, sendo exibido na 4ª Jornada Interdisciplinar no Auditório da UNIT/AL em 25/04/2017.

DIREÇÃO, ROTEIRO E EDIÇÃO: Roberto Amorim | IMAGENS: Marcos Araújo | EDIÇÃO, EFEITOS E IMAGENS: Bruno Morais | ORIENTAÇÃO: Jesana Batista Pereira | DURAÇÃO: 10m35s | ANO: 2017


Cavalhadas de Alagoas

O sertão brasileiro ainda no século XX foi uma região marcada pelo coronelismo, prática que reproduzia a estrutura feudal de dominação. O coronel, equivalente ao senhor feudal, possuía direito de vida e morte sobre tudo e todos que pisavam suas terras. No lugar da polícia, os jagunços, no lugar da lei, os humores do senhor. O documentário apresenta uma prática cultural do sertão brasileiro, no estado de Alagoas: a cavalhada. A cavalhada praticada por vaqueiros e tangerinos, empregados do dono da terra, reproduz jogos de origem medieval que nas cores azul e vermelha remetem aos combates entre cristãos e mouros. Hoje, ao contrário do coronelismo que se adaptou às modernizações do estado, a cavalhada está em declínio e alguns poucos cavaleiros mantêm viva a tradição. Este filme é resultado de pesquisa desenvolvida pelo Grupo de Pesquisa Nordestanças (UFAL|UNIT) no âmbito do Projeto de Salvaguarda do Patrimônio Imaterial de Alagoas, um convênio entre o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) e a Secretaria de Estado da Cultura de Alagoas (SECULT-AL). O projeto, coordenado pela Profa. Dra Juliana Michaello M. Dias (PPGAU/UFAL), contou com a participação dos professores doutores Walcler de Lima Mendes Junior (SOTEPP-UNIT/AL), Jesana Batista Pereira (SOTEPP-UNIT/AL) e Pedro Simonard (SOTEPP-UNIT/AL). A Pesquisa contou com alunos do curso de graduação em Comunicação Social da UNIT/AL e do curso de Arquitetura e Urbanismo da UFAL.

Documentário exibido na Mostra Arandu de Filmes Etnográficos, promovida pelo Laboratório de Antropologia Visual Arandu e pelo grupo de estudos Avaedoc, da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) em agosto de 2016.

DIREÇÃO: Walcler Mendes Junior, Juliana Michaello e Pedro Simonard | IMAGENS: Maria Victória Silvestre, Pedro Simonard, Walcler Mendes Junior | PESQUISADORES: Juliana Michaello, Jesana Batista Pereira, João Paulo Omena Silva, Pedro Simonard, Thalita Lins do Nascimento, Walcler de Lima Mendes Junior | BOLSISTAS: Adriane Canabarro (UFAL), Allyson Jesus (UNIT), Amanda Rodrigues (UFAL), Ana Caroline Araujo (UFAL), Camila Oliveira (UFAL), Daniela Novaes (UFAL), Emerson Távora (UFAL), José Henrique Costa Tenório (UFAL), Ingrid Géssica Araujo (UFAL), Ingryd Rodrigues Alves (UNIT), Isabela Braz (UFAL), Jéssica Patrícia da Conceição (UFAL), Karla Calheiros (UFAL), Maria Clara Marinho (UFAL), Maria Victória Silvestre (UFAL), Nathália de Almeida Amaral (UFAL), Reberth Almeida (UFAL), Taísa Theberge (UFAL), Tatiane Almeida (UNIT), Victor Falcão (UNIT), William Félix (UFAL) | DURAÇÃO: 13m40s | ANO: 2016.


Cadernos de Viagem | Nepal

FIlme documentário de caráter etnográfico que aborda questões relativas à cultura, religião e política da sociedade nepalesa.
DIREÇÃO: Walcler Mendes Junior (SOTEPP/UNIT) e Juliana Michaello (UFAL) | DURAÇÃO: 31m10s | ANO: 2015.


A Lapinha da Dudé

Maria José Ferreira, Dona Dudé, é mestra de folguedos e carrega de memória um auto popular natalino conhecido como Lapinha. Trata-se de uma manifestação cultural em vias de extinção em Alagoas. Este filme apresenta as estratégias de resistência dos brincantes frente a indiferença e o silêncio de poderes públicos e privados.

Documentário participante da mostra competitiva do 4º Festival Sururu de Cinema alagoano (Maceió/AL, 2013).

Documentário participante da mostra competitiva do II Festival Theo Brandão de fotografia e filmes etnográficos, organizado pelo Museu Théo Brandão (Maceió/AL, 2014), no qual recebeu Menção Honrosa.

DIREÇÃO: Walcler Mendes Junior (SOTEPP-UNIT/AL)| DIREÇÃO DE ARTE: Juliana Michaello (PPGAU/UFAL) | PESQUISA: Ismélia Tavares (Comunicação Social – UNIT/AL)| DURAÇÃO: 31m14s | ANO: 2013

Topo