SOTEPP –

II Ciclo de Conferências Temáticas sobre "Sociedade, Tecnologias e Políticas Públicas"

Responsive image

O Centro Universitário Tiradentes – Unit nos dias 19 e 20 de março realiza o II Ciclo de Conferências Temáticas sobre “Sociedade, Tecnologias e Políticas Públicas”. O evento acontece no Anfiteatro da Pós-Graduação e traz novas nuances sobre a interdisciplinaridade e universidade, com um debate sobre as experiências contemporâneas na pós-graduação.

A segunda edição do Ciclo de Conferências Temáticas é promovido pelo Núcleo Interdisciplinar de Pós-graduação do Unit e desta vez ele chega com a proposta de trazer discussões que promovam a interlocução entre academia, sociedade civil, instituições públicas e privadas, para então assim pensar a relação intrínseca entre a população, tecnologia e políticas públicas.

“Neste segundo II Ciclo de Conferências Temáticas a proposta é que as discussões se voltem para a compreensão do que é a interdisciplinaridade e como ela é uma importante ferramenta para proporcionar o desenvolvimento da Ciência, Tecnologia e Educação”, colocou Verônica Teixeira Coordenadora do NIPG.

O evento

Para essas discussões foram convidados o Diretor-Científico da Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado de Alagoas – FAPEAL, Dr. João Vicente Ribeiro Barroso da Costa Lima,  a Pró-Reitora de Pós-Graduação e Pesquisa da Universidade Federal de Alagoas, Drª Simoni Margareti Plentz-Meneghetti, a Diretora de Pesquisa e Extensão da Unit Sergipe, Drª Ester Fraga Vilas-Bôas Carvalho do Nascimento, gestores que pensam e atuam nas Políticas de Pesquisa, Ciência e Tecnologia em Alagoas e no Grupo Tiradentes.

Para os debates também participarão a Coordenadora de Área Interdisciplinar da CAPES, Drª Adelaide Faljoni-Alario (UFABC), a Coordenadora da Câmara de Sociais & Humanidades da Área Interdisciplinar da CAPES, Drª Andrea Vieira Zanella (UFSC), que apresentarão um quadro sobre  o andamento, os pressupostos, os projetos pedagógicos em crescente expansão, assim como os processos de avaliação específicos da área interdisciplinar, na pretensão de contribuir para o entendimento sobre porque os programas de pós-graduação interdisciplinares são os que mais crescem no Brasil desde 1999, quando a área interdisciplinar foi criada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). Contribuindo com todos esses debates e apresentando a experiência dos cursos de mestrado interdisciplinares de Alagoas, participam também o Dr. Aydano Machado – Coordenador do Programa de Modelagem Computacional de Conhecimento e o Dr. Guilherme Bastos Lyra,  Coordenador do Programa de Energia da Biomassa, ambos da UFAL.

Confira a programação:

Quinta-feira – 19 de março de 2015

9h – Mesa de Abertura

Anfiteatro da Pós-Graduação

Drª Ester Fraga Vilas-Bôas Carvalho do Nascimento – Diretora de Pesquisa e Extensão Unit Sergipe

Drª Simoni Margareti Plentz-Meneghetti – Pró-Reitora de Pesquisa e Pós-Graduação da UFAL;

Dr. João Vicente Ribeiro Barroso da Costa Lima –  Diretor-Científico da FAPEAL

10h – Conferência Abertura – “Interdisciplinaridade: desafios e possibilidades da Pós-graduação Brasileira”.

Conferencista: Drª Adelaide Faljoni-Alario (UFABC)

Presidente de Mesa: Drª Verônica Teixeira Marques (NIPG/ITP/PPGD)

15h – Mesa Redonda: A Experiência dos programas de Pós-graduação Interdisciplinares em Alagoas

Dr. Aydano Machado – Coordenador do Programa de Mestrado em Modelagem Computacional de Conhecimento
Dr. Guilherme Bastos Lyra –  Coordenador do Programa de Mestrado em Energia da Biomassa
Presidente de Mesa: Drª Claudia Moura Melo (PSA-UNIT Sergipe)

Sexta-feira – 20 de março de 2015

9h – Conferência de Encerramento – “Pesquisa e interdisciplinaridade: algumas condições e desafios”.

Anfiteatro da Pós-Graduação

Drª Andrea Vieira Zanella (UFSC)

Presidente de Mesa:  Drª Daniela do Carmo Kabengele (NIPG-UNIT Alagoas)

 

Topo